top of page

Bunge anuncia bilhões em crédito ao agronegócio brasileiro

31/05/2023


Empresa mira no volume de produção e nas práticas sustentáveis na agricultura nacional



A Bunge anunciou uma iniciativa que vai prover US$ 500 milhões (R$ 2,5 bilhões) em crédito para o agronegócio brasileiro. Na segunda-feira, 29, o gigante mundial do setor agrícola lançou a Fincrop — uma fintech focada em empréstimos para os produtores rurais.


O novo empreendimento da Bunge vai intermediar a relação dos agentes do mercado de crédito com o agronegócio brasileiro. A empresa nasce ofertando produtos e ferramentas digitais para aprimorar a avaliação de risco dos empréstimos aos produtores rurais.


A estratégia é utilizar o histórico de relacionamento que o gigante agrícola possui com 12 mil produtores do Brasil. Assim, as revendas nacionais “poderão gerenciar sua carteira de clientes e uma solução de crédito que facilite a conexão do mercado financeiro aos produtores de grãos”, informa a empresa.

Com essa capilaridade, a empresa conhece de perto a dinâmica dos agricultores do país. Desse modo, ela sabe de um grande diferencial deles sobre o restante do mundo: a implantação de práticas ecologicamente corretas.


“Acreditamos que o alto nível de adoção de práticas sustentáveis do produtor brasileiro seja um ativo extremamente importante para investidores”, explicou Florence Shoshany, diretora de Finanças da Bunge. “Oferecemos uma plataforma digital para que nossos parceiros possam gerenciar suas carteiras de crédito, além de serviços de estruturação de produtos financeiros para produtores de grãos.”


Além disso, a Bunge investe no agronegócio brasileiro por ser um dos maiores produtores de alimentos do planeta. No caso da soja, por exemplo, a agricultura local tem a safra mais volumosa do planeta e a maior fornecedora do grão para o mercado internacional.

bottom of page