top of page

Adial disponibiliza simulador de juros do FCO


17/10/2022


Ferramenta está disponível gratuitamente no portal da Associação

A Associação Pró-desenvolvimento Industrial do Estado de Goiás (Adial) disponibiliza gratuitamente o Business Intelligence (BI) para que o empresário calcule os valores dos juros do Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste (FCO) seja Pós-fixado ou Prefixado por mês, inclusive comparando essas duas modalidades, por operação e por porte das empresas nos 246 municípios goianos. Além de apresentar um módulo extra que disponibiliza uma análise comparativa dos juros SELIC e o IPCA, desde o ano de 2018.

A ferramenta foi desenvolvida pelo economista Elemar Pimenta. Em uma interface simples, o simulador apresenta dados complexos. Pela primeira vez um sistema expõe aos interessados os juros prefixados e pós-fixados, comparando-os individualmente com cada cenário. Também faz a simulação financeira das parcelas a serem geradas na captação do crédito do FCO, evidenciando as parcelas no período de carência e após o término da carência.

“Não se trata de uma simples ferramenta de exposição de juros, que por sinal não há nada de simples neste sistema, ao não ser obviamente a forma de interface com o usuário final, que é a grande inovação da ferramenta”, afirma Pimenta.

A demanda

A necessidade da construção deste instrumento nasceu em consequência da dificuldade dos empresários em terem acesso o valor das taxas de juros vigentes do FCO Pós-fixado, conjugado com a ausência de um instrumento que viesse a permitir a rápida informação. “O objetivo primeiramente é proporcionar o acesso fácil aos juros do FCO. E não poderíamos deixar de mencionar a alta complexidade de cálculo para a resposta desses juros, inviabilizando totalmente a conta de forma manual”.

Hoje a computação do Fundo é extremamente complexa, e é composta com mais de dez variáveis distintas, dentro de uma fórmula também com razoável nível de complexidade. E essas mutáveis envolvem por exemplo, a modalidade escolhida do FCO, o município, o mês da operação (pós-fixado), o porte da empresa, variação do IPCA, bônus de adimplência dentre outros itens. O BI disponibilizado apresenta a taxa de juros nos 467 munícipios do Centro-Oeste.

“Quero parabenizar o economista Pimenta pelo bom trabalho. Temos que trabalhar a quatro mãos, entender o que o associado precisa. Esse é o nosso caminho. Tudo é apresentado de forma simples, de fácil entendimento, para manuseio a pessoas muitas vezes leigas no tema”, afirma o presidente do Conselho da Adial, Zé Garrote.

A plataforma pode ser acessada por link no cabeçalho do site da Adial (www.adial.com.br) na Aba “FCO”.

コメント


bottom of page